Educação

Sebrae/ES aponta plataformas online para professores ensinarem a distância

O objetivo é que os profissionais continuem atuando e os alunos, se capacitando

Em tempos de isolamento social, a internet passa a ser mais que ambiente de entretenimento e escape do momento de crise causado pela pandemia de coronavírus. Ferramentas online têm contribuído para que atividades normalmente feitas frente a frente, como as aulas na escola, sejam transferidas para o mundo virtual com sucesso. Para facilitar a vida de professores e alunos, o Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae/ES) oferece, na plataforma Por Onde Começar (https://www.sebrae-porondecomecar.com.br), um conjunto de soluções com ferramentas de comunicação ao vivo.

Videoconferência, webinars, colaboração? As opções do mercado se ajustam ao gosto e às necessidades do usuário. A plataforma em nuvem Zoom (https://zoom.us/) virou mania quase que instantânea entre aqueles que precisam de fazer comunicação de vídeo ao vivo com colaboração. Já a ferramenta Go to Meeting (https://www.gotomeeting.com/pt-b) oferece três meses grátis de sua solução para videoconferência para prestadores de cuidados de saúde, instituições de ensino, municípios e organizações sem fins lucrativos.

A plataforma educacional Socrative (https://socrative.com) é indicada elaborar avaliações, quizzes e atividades gameficadas. Nela é possível também criar testes, pesquisas e quaisquer tipo de atividades. Enquanto isso, a startup plataforma Cienciaarte (https://www.cienciarte.com.br) está liberando 500 perfis plus free para professores organizarem e disponibilizarem seu material de aula, slides, vídeos, artigos, exercícios para seus alunos.

Aprendizado a distância

Com a pandemia do coronavírus veio o fechamento temporário de instituições de ensino, mas professores e alunos têm conseguido driblar a distância. A professora de inglês Rayza Viveiros, que costumava não se adaptar bem à tecnologia, avalia que, usando as plataformas corretamente, o proveito é o mesmo da sala de aula. “No início, fiquei preocupada, pois não tinha muito domínio para as ferramentas online. No entanto, estou achando muito mais tranquilo do que achei que seria. Estamos usando o aplicativo Zoom, que é bem didático e de fácil interação. Dou aula para crianças e elas têm se mostrado bem desenvoltas. Por enquanto, o saldo é positivo”, garante.

A experiência tem sido rica também para o aluno. “Temos usado a plataforma Teams, da Microsoft, que consegue nos atender bem. Por meio dela temos qualidade no conteúdo, conseguimos escrever e tirar dúvidas com os professores”, conta a estudante de psicologia Thainara Klein.

Confira uma lista de opções para praticar o ensino online:

Plataformas de colaboração que suportam comunicação de vídeo ao vivo

Zoom (https://zoom.us): Plataforma em nuvem para videoconferência e áudio, colaboração, bate-papo e webinars

Skype (https://education.skype.com): Chamadas de vídeo e áudio com recursos de conversa, bate-papo e colaboração

GoToMeeting (https://www.gotomeeting.com/pt-b): Está oferecendo três meses grátis de sua solução para videoconferência, para organizações elegíveis (prestadores de cuidados de saúde, instituições de ensino, municípios e organizações sem fins lucrativos).

Google Hangouts Meet (https://gsuite.google.com/products/meet): Videochamadas integradas a outras ferramentas do G-Suite do Google. Até o dia 1º de julho todos os clientes do G Suite poderão usar os recursos avançados do hangout meets, como reuniões maiores (até 250 participantes), transmissão ao vivo e gravações.

Microsoft Teams (https://teams.microsoft.com/downloads): aproveite seis meses gratuitos do Microsoft Teams, uma plataforma unificada de comunicação e colaboração.

Plataformas educacionais

Socrative (https://socrative.com): Plataforma para elaboração de avaliações, quizzes e atividades gameficadas. É possível criar testes, pesquisas e qualquer tipo de atividades.

Kahoot (https://kahoot.com): Plataforma baseada em jogos. Seus jogos de aprendizado são testes de múltipla escolha que podem ser acessados por meio de um navegador ou aplicativo.

Cuboz (https://cuboz.com): Criação de comunidades de Aprendizagem online com rede social, turmas, cursos, videoaulas, artigos, compartilhamento de arquivos, questionários, mensagens, ferramentas de vendas, transmissões ao vivo, relatórios.

Cienciaarte (https://cienciaarte.com.br): A plataforma liberará 500 perfis plus free para professores organizarem e disponibilizarem seu material de aula, slydes, vídeos, artigos, exercícios para seus alunos.

Sambatech (https://sambatech.com): Empresa de vídeos online. Vai disponibilizar recursos tecnológicos e transmissão ao vivo, de forma gratuita, para escolas, instituições públicas, alunos e profissionais de ensino

Desenrolado (https://desenrolado.com): Produtora de conteúdo educacional digital, que ajuda empresas de educação básica a transporem seu material didático impresso pro digital. Vai liberar cerca de 500 videoaulas no YouTube, a fim de ajudar professores, alunos e escolas a manterem, minimamente, o currículo escolar a distância. Disponível no canal Desenrolado Videoaulas.

Kriativar (http://www.creaction.com.br/pages/login): A Kriativar está disponibilizando, acesso gratuito ao bookmaker, plataforma de criação de livros e histórias em quadrinhos, onde os professores podem desenvolver tarefas lúdicas para que as crianças realizem em família.

Uniprof (https://uniprof.com.br/curso/gamification-e-educacao): A UniPROF é uma plataforma de cursos que oferece formação nas mais diversas áreas. Oferta de cursos gratuitos e com descontos de até 50% use o voucher FICAREMCASA

Prova Fácil (https://www.provafacilnaweb.com.br/corrigir): Disponibiliza gratuitamente a prova online do produto Prova Fácil Avaliações Regulares, voltado para instituições com mais de 3 mil alunos, e os exercícios online do app voltado para professores, o Prova Fácil Professor.

FazGame (https://www.fazgame.com.br): O FazGame proporciona a aprendizagem através da criação de games narrativos. Os professores podem criar projetos de conteúdos diversos, e seus alunos aprendem de forma motivadora, criando games educacionais. Voltado para alunos a partir de 10 anos.

Qranio (https://qranio.com.br): Plataforma mobile de aprendizagem que usa a gamificação para estimular os usuários a se envolverem com conteúdos educacionais. Disponibiliza gratuitamente sua plataforma para que professores, escolas públicas e privadas possam continuar suas atividades à distância com seus alunos até a normalização das aulas.

Educacross (https://educacross.com.br): Plataforma de Ensino-Aprendizagem e Avaliação de Lógica e Matemática. A Educacross oferece mais de 1.500 jogos envoltos em dinâmicas de gamificação adaptativa para que os alunos aprendam enquanto jogam. Oferece gratuitamente sua plataforma de ensino e aprendizado para escolas públicas e particulares.

Stoodi (https://stoodi.com.br): Ensino distância. Acesso gratuito a todas as videoaulas e banco de exercícios.

 

INFORMAÇÕES PARA A IMPRENSA
Assessoria de Comunicação Sebrae/ES
Sayonara Lacerda / Marcella Andrade / Gabriela Jucá
Tel: (27) 3041-5613 / 3041-5531
E-mail: sayonara.lacerda@es.sebrae.com.br 
marcella.sucupira@es.sebrae.com.br 

INFORMAÇÕES PARA EMPREENDEDORES
Central de Relacionamento Sebrae - 0800 570 0800
Os textos veiculados pela Agência Sebrae de Notícias – ES são produzidos pela Assessoria do Sebrae/ES e podem ser reproduzidos gratuitamente, apenas para fins jornalísticos, mediante a citação da Agência.