Apoio às MPE

Plataforma “Por Onde Começar” aponta estabelecimentos prontos para atender no seu bairro

Além de reunir diversas orientações para os empresários, é possível conferir estabelecimentos que continuam atendendo

A nova plataforma lançada pelo Sebrae/ES “Por Onde Começar” (sebrae-porondecomecar.com.br), criada para apoiar empresários de micro e pequenos negócios no enfrentamento aos impactos do coronavírus (Covid-19), disponibiliza uma nova funcionalidade: um mapa com estabelecimentos prontos para atender no bairro onde o usuário está. A ideia é valorizar os empreendedores do entorno e fortalecer a economia local.

Para participar da construção desse mapa colaborativo de serviços em uma região, o usuário deve fazer um post nos stories ou feed do seu Instagram indicando algum estabelecimento do seu bairro que está fazendo entregas. É preciso colocar informações como nome do estabelecimento, endereço, produto e telefone, e marcar a hashtag #PorOndeComeçar e o perfil @sebrae.es. A plataforma recebe as informações por meio da hashtag e o endereço é cadastrado. Feito isso, o estabelecimento passa a figurar no mapa da plataforma com endereço e telefone a um clique.

O Por Onde Começar disponibiliza também conteúdo, cursos e soluções gratuitamente. A ideia é reunir o máximo de informação, esclarecimento e diálogo para enfrentar esse desafio junto aos empreendedores. “Estamos tomando todas as providências para que nossos parceiros MEI, micro e pequenos empreendedores tenham toda a assistência possível para enfrentar esse momento difícil que estamos atravessando. Queremos criar uma rede de ajuda mútua e troca de informações”, afirma o superintendente do Sebrae/ES, Pedro Rigo.

Ao acessar o portal, o empreendedor tem a sua disposição alguns canais de interação: Fale com o Sebrae, que funciona das 8h às 18h; Consultorias on-line com cerca de 50 consultores especializados nas temáticas de gestão financeira, marketing e venda digital, das 8h às 18h; e a Central de atendimento via 0800 570 0800, que funciona das 9h às 17h, tirando dúvidas e orientando quanto aos produtos de Ensino a Distância (EAD) e outros serviços digitais. Na plataforma o empreendedor também encontra cursos gratuitos de EAD e vídeos com dicas práticas para enfrentar as situações de crise.

O Espírito Santo tem hoje um total de 392.305 empresas ativas, sendo 252.217 Microempreendedores Individuais (MEI) e 140.088 Micro e Pequenos Empreendedores (ME/EPP). Um levantamento do Sebrae mostra que cerca de 150 mil pessoas ainda trabalham por conta própria, mas na informalidade, como vendedores ambulantes, no comércio varejista com ponto fixo, ou oferecendo serviços de porta a porta. Empregos formais somam 405.642 ME/EPP e mais 50 mil. Ao todo 857.859 pessoas são ocupadas nos Pequenos Negócios.

Empreendedores em ação

Para alguns empreendedores capixabas, a solução encontrada para manter o negócio foi o oferecer serviço de delivery via telefone ou via aplicativo. Geraldo Batista, um dos responsáveis pela Barraca do Turquinho, que atua nas feiras de Vitória, conta que reforçar o anúncio de entrega foi essencial. “Antes do momento atual, já tinha uma movimentação bacana nos serviços de entrega. Trabalhamos por demanda, então redobramos o cuidado com higiene dos nossos produtos, que são sempre frescos e conscientizamos os motoboys quanto à higiene”, conta.

Para ele, a união com outros colegas de trabalho é essencial. “Nos juntamos com outros empreendedores para divulgar nossos serviços pelo WhatsApp para a comunidade. Antes de a feira parar, entregamos muitos cartões, principalmente aos mais velhos, que podem não ter muito contato com a tecnologia. É para não parar de pingar, pois não chega nem perto de suprir”, ressalta Geraldo. 

Em Vila Velha, os feirantes de orgânicos da Barraca do Igor e da Josi também intensificaram as entregas em domicílio. “Não podemos parar e estamos trabalhando para a divulgação. Estamos seguindo à risca os cuidados de higiene recomendados. Só iremos trabalhar com cestas de orgânicos prontas. Tudo limpinho e tendo o mínimo de contato possível”, explica Josilene Tesch, que costumava trabalhar com sua barraca na Feira Orgânica da Praia da Costa. 

 

INFORMAÇÕES PARA A IMPRENSA
Assessoria de Comunicação Sebrae/ES
Sayonara Lacerda / Marcella Andrade / Gabriela Jucá
Tel: (27) 3041-5613 / 3041-5531
E-mail: sayonara.lacerda@es.sebrae.com.br 
marcella.sucupira@es.sebrae.com.br 

INFORMAÇÕES PARA EMPREENDEDORES
Central de Relacionamento Sebrae - 0800 570 0800
Os textos veiculados pela Agência Sebrae de Notícias – ES são produzidos pela Assessoria do Sebrae/ES e podem ser reproduzidos gratuitamente, apenas para fins jornalísticos, mediante a citação da Agência.